quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Uma delicadeza de amor

Maria Joaquina, esposa de Benjamin Constant, e sua filha Aldina.
Maria Joaquina Bittencourt Costa e Benjamin Constant se conheceram no Instituto dos Meninos Cegos, onde Benjamin era professor e o pai de Maria Joaquina, Claudio Luís da Costa, era diretor à época. Se casaram como era o costume no século XIX: ele com 26 anos, ela com apenas 15.

A frente da caderneta, feita em , com o bordado das iniciais de Benjamin feito com os cabelos de sua esposa
Como era comum à época, para demonstrar seu amor ao esposo, Maria Joaquina fez uma pequena caderneta, um mimo, com as iniciais de Benjamin bordadas com fios de seus próprios cabelos. A preciosidade encontra-se logo na entrada de nosso museu, na vitrine do Hall de Entrada.

A parte posterior da caderneta e algumas anotações feitas por Benjamin.